terça-feira, 26 de julho de 2011

Refletindo sobre o seu computador

Finalmente achei algum assunto pra escrever aqui! Mas como estou sem saco para introduções aleatórias hoje, vou direto ao assunto.
"Dias atrás", como canta o CPM22, estava eu com algumas pessoas do meu curso num dia em que fomos para a universidade para nada, pois a prova que achávamos que iriamos (tem a_ento [ç ou ss?] ou não?) (<-fato inédito: dúvidas em cadeia) fazer, na verdade, nao estava marcada para aquele dia. Como bons alunos de ciência da computação que somos, passamos o resto da tarde vendo besteiras na internet. Acontece porém, que depois de ver muitas coisas que ampliavam nosso conhecimento inútil, paramos para refletir sobre a realidade que nos cerca de modo muito sutil. Vamos às reflexões.
Pare, caro leitor, nesse momento e pense no que você vê quando liga seu computador (se você usa o Windows) (e se não sabe o que é um Windows, apenas lembre de quando seu computador liga, você usa o Windows e não sabe disso). Agora tente trazer à memória a frase que aparece ao iniciar o sistema. Lembrou? Não? A frase é "Bem-vindo!". Mas espere um momento, se o computador é seu, por que ele deveria dar as boas vindas? VOCÊ deveria dar boas vindas ao sistema!
Com esses e outros fatos observados, chegamos à conclusão de que, se você é um usuário do Windows (se você ainda nao sabe o que é um Windows, calma! Você é um usuário, mas o Windows não é uma droga! É um sistema de computador, pergunte ao seu neto o que isso significa) (e metade dos leitores estão pensando no trocadilho acidental acima de que o Windows é sim uma droga... só digo uma coisa: não digo nada!), você não é dono do seu computador! "Como?", você pergunta... Mas vamos a mais fatos.
Quando o leitor quer procurar um arquivo, ele abre o... "Meu computador"... OH WAIT! O COMPUTADOR É MEU, DEVERIA ESTAR ESCRITO "Seu computador"!!! Do mesmo modo temos os "Meus documentos", "Minhas imagens", "Minhas músicas" e assim por diante!
Nos deparamos também com outro fato interessante. A incrível audácia do sistema ao mandar que você não desligue o computador, pois ele está instalando as atualizações QUE ELE PROVAVELMENTE NEM PEDIU PRA BAIXAR! E não se esqueça de que ele não se importa com o que você tem a fazer, a ordem é simples: "Instalando atualizações. Não desligue ou desconecte o computador".
E para encerrar, um fato acontecido com um dos presentes naquele momento de criação de conhecimento. Estava ele navegando na internet (termo dos primórdios da web) utilizando o Mozilla Firefox quando o Windows simplesmente fechou o programa dizendo "O Windows fechou esse programa"... A reação foi se render ao computador, com medo de tamanha brutalidade.
Mas, apesar de tudo isso... Continuo usando o Windows fielmente! LINUX jamais!

*essa pesquisa foi conduzida por mim, Mariane Caroline, Sérgio Lisan, Alex Justino, e talvez mais alguém que estava presente na hora, mas que eu não tenho certeza se participou do fato.